sexta-feira, 17 de março de 2017

Sucessão de Rinaldo esquenta bastidores do MPRN; procuradora lança candidatura

Iadya Gama protocolou seu registro de candidatura para suceder o atual chefe do Ministério Público do Estado.
A eleição para definir o sucessor de Rinaldo Reis, na Procuradoria-Geral de Justiça, ganhou novos contornos. Até aqui, havia quase o entendimento unânime de que o atual presidente da associação de promotores, Eudo Rodrigues Leite, seria o único candidato. Não será mais.
Nesta quinta-feira, a procuradora Iadya Gama protocolou seu registro de candidatura para suceder o atual chefe do Ministério Público do Estado, revelando que, mais uma vez, não há consenso no âmbito do MPRN.
Ao mesmo tempo, promotores indicam que a disputa será acirrada, considerando os primeiro ingredientes que começam a alimentar o noticiário a partir do próprio MPRN, como a investigação que o promotor Giovanni Rosado decidiu abrir contra Rinaldo Reis pelo aluguel de um prédio.
Na avaliação de promotores ouvidos pela reportagem, o inquérito instaurado nesta quinta, e amplamente divulgado, pode ser encarado como um primeiro ingrediente dessa disputa.
Por outro lado, a nova candidata, a procuradora Iadya Gama, tem ainda um posicionamento a definir sobre que discurso vai assumir a respeito da atual gestão.
No MP, é sabida a disputa entre procuradores de Justiça e o chefe do órgão. As duas partes se enfrentaram na Justiça por razões administrativas. E Iadya costumava não assinar as petições contra Rinaldo.

Nenhum comentário: