terça-feira, 4 de maio de 2021

Jornal O Litoral – 20 anos - ABRIL de 2021

















Jornal O Litoral – 20 anos

Ano XX – Edição Extra ON-LINE nº276 – Abril de 2021

Informando e Opinando!

 

Seja mais um assinante: 

(84) 99482-9967 / 99226-5202 

litoralnoticias_1@hotmail.com 

iran_junior1@hotmail.com 

 

Divulgue seu empreendimento comercial pelo menor preço em mídia jornalística e maior divulgação na região!


quarta-feira, 28 de abril de 2021

PUREZA: Cronograma da entrega dos kits merenda escolar na Zona Rural

 










É TEMPO DE ESPERANÇAR

 


Em tempos de pandemia a palavra esperança, tornou-se alvo de muitas reflexões para muitas pessoas. Atualmente vivemos dias em que nos falta, essa tão falada e sonhada esperança. Mas, também existem dias que ela amanhece, trazendo expectativas de um novo recomeço.

Por isso nos remetemos ao livro sagrado, o qual fala de uma esperança que pode transformar pensamentos e acalentar almas, ressequidas pelo luto, pelas perdas e pelos desalentos, aos quais a devastação desse mal que está sobre a humanidade tem afetado.

No livro das sagradas escrituras, o profeta Jeremias em Lamentações 3.21 nos diz: “Quero trazer a memória o que me pode dar esperança”.

Qual seria a esperança para a humanidade, num tempo ao qual poderíamos conjecturar como tempos de guerra? Guerra! Talvez sim, uma guerra contra um vírus. Seria uma terceira guerra mundial? Talvez sim. Até porque, levantou-se um grande e forte exército, vestidos de branco, que lutam incansavelmente para que muitos se mantenham vivos. Eles também são atingidos e muitos não resistem. Infelizmente, mas foram e são heróis, não se acovardaram, não transferiram seus medos, não recuaram, estão na linha de frente, tiveram esperança. E nesse esperançar, precisamos manter convicções e sentimentos que nos façam avançar com perseverança e altruísmo, nos tornarmos resilientes e empáticos. Olharmos o outro e vê-lo como alguém que precisa ser ouvido.

E como será esperançar para aquele que perdeu, não somente um familiar ou parente, mas também seu emprego, seu ganha pão. Como esperançar ao amanhecer e não ter aquela correria de pegar, o transporte para ir ao emprego, ou talvez ir à escola? Como não mais ter aquele corre, corre, que nos fazia chegar ao fim do dia e estarmos tão exausto e já pensativos em como seria o próximo dia. Esse novo tempo nos fez parar e refletirmos que, o esperançar, necessita da nossa busca, dos nossos recomeços, da nossa ressignificação, o tempo não parou. Continuamos um dia após o outro, e essa luz que ao amanhecer recebemos do nosso criador, nos deve incentivar a levantarmos, nos pôr de pé e lutarmos, usarmos as forças que nos são concedidas, pelo Pai Eterno e fazermos, por nós, pelos nossos e por aqueles que partiram. Porque cada um deles deixaram um legado, que precisa estar vivo em nossas memórias.

É tempo de esperançar, sim, renovar, restaurar, ressignificar e encarar o tempo de desafios, tendo a esperança da vitória, da conquista, numa adaptação a um novo normal, que está presente hoje em nossas vidas.

A todos os familiares, parentes e amigos daqueles que partiram, vítimas da COVID-19, nossos sinceros sentimentos, só Deus com as doces consolações do Espírito Santo para os confortar.

É tempo de esperançar. Hoje é esse tempo.

 

Edineide Silva Santiago

Pedagoga

Especialista em Literatura e Ensino


segunda-feira, 12 de abril de 2021

 


Governo autoriza reinício das obras do Hospital da Mulher

 


Em Mossoró, unidade vai atender a população de 62 municípios, e ao menos 20 mil atendimentos por ano

 

O Governo do Rio Grande do Norte emitiu nesta sexta-feira, 09, a ordem de serviço para o reinício das obras do Hospital Regional da Mulher Parteira Maria Correia, em Mossoró, região Oeste potiguar. Essa é a maior obra viabilizada pelo acordo de empréstimo do Governo do Estado com o Banco Mundial. O investimento é de R$ 104 milhões, em infraestrutura física e equipamentos. A unidade hospitalar será a maior do Rio Grande do Norte, com capacidade para 20 mil atendimentos/ano, recebendo pacientes de 62 municípios.

"Estamos materializando a retomada de uma obra significativa e de largo alcance social, que vai ser referência para todo o país. Vai garantir atendimento de saúde humanizado e eficiente. Superamos dificuldades, como a rede elétrica inadequada e outros entraves. Não poderíamos permitir que a obra se transformasse em um elefante branco. Em nome da população do Rio Grande do Norte lutamos, negociamos e conseguimos”, destacou a governadora, professora Fátima Bezerra, ao avaliar a importância da retomada dos serviços.

"Missão dada é missão cumprida". Assim definiu o momento o secretário estadual de Gestão de Projetos, Metas e Relações Institucionais (Segri) e coordenador do Programa Governo Cidadão, Fernando Mineiro. O gestor citou toda a equipe de governo quanto à dedicação e responsabilidade das ações que culminaram com a retomada das obras. “Desenvolvemos um trabalho eficiente e objetivo. Agradeço também à equipe do Banco Mundial e do Tribunal de Contas do Estado, que muito contribuiu para a formalização do Termo de Ajustamento de Gestão (TAG), uma das etapas para a retomada das obras", enfatizou.

Quando concluído, o Hospital da Mulher terá 165 leitos, assistência ambulatorial, pronto-socorro, UTI, centro obstétrico com salas de parto humanizado, banco de leite humano e serviços de suporte para mulheres vítimas de violência. O local ainda funcionará como hospital de estágio, em parceria com universidades.

O secretário de estado da Saúde Pública (Sesap), Cipriano Maia, disse que o Hospital vai prestar assistência adequada à saúde da mulher dando respostas efetivas às demandas de Mossoró e do Vale do Açu, que carecem de assistência básica, pré-natal, obstétrica, e atuará como base para pesquisa e formação universitária. “O momento é de celebração e agradecimento. Inclusive porque, através do Governo Cidadão, vamos viabilizar outras obras na área da saúde, como a assistência oncológica para a região do Mato Grande."

DESENTRAVE DA OBRA

A obra foi parcialmente executada e estava paralisada desde agosto de 2019 quando alcançou 27,87% de execução - canteiro de obras, movimento de terra, estrutura (fundação e superestrutura), parte dos muros de contenção e um dos reservatórios. A paralisação aconteceu por inadequações do projeto, principalmente na parte elétrica.

A atual gestão estadual, ao assumir em 2019, encontrou vários problemas no projeto que inviabilizariam o pleno funcionamento do Hospital. Por determinação da governadora, professora Fátima Bezerra, a Segri e o programa Governo Cidadão fizeram as devidas correções e mantiveram entendimentos com o Banco Mundial para a prorrogação do prazo do financiamento que se encerraria em 31 de março último.

Após amplos entendimentos com a instituição financeira e com o aval do Ministério da Fazenda o prazo foi prorrogado para dezembro de 2022. Com isso será possível a conclusão do Hospital da Mulher e outras obras importantes como o posto fiscal localizado no município de Canguaretama, a Barragem do Pataxó, outros investimentos na saúde, produção rural, estradas e na área cultural.

O contrato determina no prazo de 14 meses para entregar o hospital - junho de 2022. "Será o maior equipamento de saúde feito pelo Governo do RN. Agradeço a toda a equipe do nosso governo na pessoa do secretário Fernando Mineiro. E à toda a equipe do Banco Mundial. Essa é obra emblemática pelo perfil humanitário e social. Teremos mais obras e investimentos como a construção da barragem do Pataxó, em Ipanguaçu, a estrada da Produção em São Gonçalo do Amarante, escolas, equipamentos culturais como o Teatro Alberto Maranhão, Biblioteca Câmara Cascudo, Forte dos Reis Magos e Escola de Dança. Destaco também o papel do Tribunal de Contas do Estado que teve importante participação para evitar demandas judiciais que viriam a atrasar o projeto", acrescentou a governadora Fátima Bezerra.

A reitora da Universidade do Estado do Rio Grande do Norte (Uern), professora Fátima Raquel, lembrou que a instituição fez a doação do terreno para construção do Hospital que será modelo para o Estado e para o país, contribuindo para a saúde da mulher.

Representando a Assembleia Legislativa, a deputada estadual Isolda Dantas citou a condição de Mossoró como cidade polo regional que sedia três cursos de medicina. "O Hospital da Mulher é de fundamental importância para a oferta de atendimento de saúde eficiente e digno. Acompanhei toda a luta para o reinício das obras e parabenizo a governadora e sua equipe que venceram as dificuldades", disse ao defender o intenso debate sobre a gestão do hospital junto às universidades do estado.

O prefeito de Mossoró, Alysson Bezerra, destacou a importância do equipamento. "Neste momento importantíssimo como o que vivemos, o Hospital vai prestar atendimento digno. Ficamos gratos pela iniciativa e investimento do Governo do Estado.”

Representante do Banco Mundial, Sophie Naudeau parabenizou o Governo do RN "pelo incansável trabalho para garantir as obras do Hospital da Mulher e melhorar o serviço público de saúde. Além de reduzir mortalidade da mulher e infantil, hospital vai atender população de mais de um milhão de pessoas".

 

--

--
Assecom-RN
(84) 3232-5204 / 5152
Site oficial: www.rn.gov.br
Twitter: @governodorn
Instagram: @governodorn
Facebook: @GovernodoRN

Governadores lançam Câmara da Segurança Integrada no Nordeste

 


Primeiro passo foi dado hoje (08) com formação de um grupo de trabalho destinado a elaborar propostas para consolidar a integração

                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                          

 

 

Depois das experiências bem sucedidas nas áreas de Saúde, Agricultura Familiar, Parcerias Públicas e Assistência Social, os governadores do Nordeste se articulam para ações conjuntas na segurança pública da região. A proposta foi discutida nesta quinta-feira (08) em reunião virtual que contou com a presença, além de governadores, dos secretários de segurança dos nove estados da região.

 

O primeiro passo para implantação do novo modelo foi dado hoje (08) com a instalação de uma câmara técnica com o objetivo de elaborar um plano de trabalho com foco na construção de um sistema integrado de segurança no Nordeste, mais dinâmico e moderno e em sintonia com o Sistema Único de Segurança Pública.

 

A governadora Fátima Bezerra destacou as iniciativas adotadas no início de seu governo para combater a violência. "A situação era delicada em todo o Nordeste e, naquele momento, o Rio Grande do Norte liderava o ranking dos mais violentos do Brasil. Com muito trabalho e dedicação conseguimos reverter a situação que envergonhava a todos nós. E não tenho dúvidas: o segredo é a integração e aqui no RN a integração não é discurso. Ela se dá de fato, na prática, no dia a dia”, disse a governadora citando a boa relação institucional que o Governo do RN tem com as forças de segurança federais, como as forças armadas e as polícias (PF e PRF), além das municipais e estaduais.

 

A ideia, explicou o governador do Piauí Wellington Dias, é unir forças e avançar em novas tecnologias para reforçar o combate ao crime organizado, partindo de ações exitosas nos Estados. "Cada Estado tem muita coisa boa acontecendo nessa área. O que de bom há num estado que pode ser replicado em outros? É isso que vamos trabalhar. Queremos que o Nordeste, assim como ocorre no combate à pandemia, também seja referência na área da segurança", disse o governador do Piauí, que preside atualmente o Consórcio Nordeste.

 

Vice-governador do Rio Grande do Norte, Antenor Roberto, que esteve à frente das discussões do plano estadual de segurança, apresentou sugestões para agilizar os trabalhos na Câmara Temática da Segurança Pública do Nordeste. "Muitos dos instrumentos já existem. Precisamos fazer uma sistematização daquilo que é mais premente neste momento."

 

"A implantação desta Câmara Temática dentro do Consórcio Nordeste é de fundamental importância, pois integra ainda mais as forças de segurança pública e defesa social no enfrentamento da criminalidade e da violência”, reforçou o secretário de segurança do RN, coronel Francisco Araújo.

 

A Força de Segurança Integrada Nordeste visa no primeiro momento, combater o crime organizado e, ao mesmo tempo, alinhar uma política comum na região, protegendo as fronteiras (secas e molhadas) e fazendo o mapeamento de aeroportos, rodovias e ferrovias para coibir, com o uso das tecnologias mais avançadas, a entrada de armas e drogas e a movimentação de grupos criminosos.


FOTO: FABIANO TRINDADE

--

--
Assecom-RN
(84) 3232-5204 / 5152
Site oficial: www.rn.gov.br
Twitter: @governodorn
Instagram: @governodorn
Facebook: @GovernodoRN

quinta-feira, 8 de abril de 2021

Prefeitura promove testagem em massa para mototaxistas e guardas municipais nesta sexta (9)

 


O Prefeitura de Ceará-Mirim promove nesta sexta-feira (9) a testagem em massa dos mototaxistas para prevenção e combate ao Covid-19. A ação promovida pela Secretaria Municipal de Saúde, dentro das ações de Saúde do Trabalhador, acontece na Praça de Vagos (Cohab), das 8h às 11h e 14h às 16h.

 

A expectativa é que sejam testados 200 mototaxistas de 17 pontos espalhados pela cidade de Ceará-Mirim. Para participar não precisa de cadastro, apenas do documento de identificação.

 

Também serão testados na sexta-feira os guardas municipais, no período das 8h às 14h, no Centro Covid (Cento de Saúde SUS).

 

Teste rápido para Mototaxistas - sexta 09/04.

 

Manhã  - 8h às 11h

 

Estação - Meira e Sá - São Geraldo - Bela Vista - Nova Ceará-Mirim 1 - Nova Ceará-Mirim 2 - Mercado da carne - Nova descoberta - Santa Paula

 

Tarde - 14h às 16h

 

Planalto - Cohab - SAAE - Centro - Principal - Honda - Fórum - Novos tempos - 5 bocas

  

Muriu - 8h às 11h - Posto de saúde.